Boletim

OUR LADY of FATIMA PARISH

 

588 Division Street,Kingston,ON, K7k 4B6

Telefone: 1 315 370 1356 (sacerdote).

www.fatimakingston.com

ANO A- 31.05.2015 Santissima Trindade!

ANIV. de FALECIMENTO : 25 - 31 de Maio de 2015 :

 

† 1988 Ana Emilia da silva Sovoa

† 1997 Amenda Elisabete Falcão

† 2002 Adriano Carvalho

† 2004 Eduardo Manuel Tavares Carreiro

† 2005 José Almeida Silva

† 2010 José Manuel Cordeiro

† 2014 João Manuel Sousa

 

rezaremos por eles na Eucaristia das 11 am, no dia 31 .05.2015

 

Participantes na Adoração do Santissimo

 

No dia 02 de Junho de 2015 – terça – feira !

 

7.30pm Encontro com todos os que participam da Adoração ao Santissimo sacramento inscritos ou não inscritos. Todos!

b – 5.30 pm = Eucaristia da festa do Divino Espirito Santo

††Domingo: 31. 05.2015 :

11 am – Eucaristia _ Santissima Trindade 4pm - Cortejo

 

2f – 7 pm = Eucaristia

 

3f – 7 pm = Eucaristia

7.30pm – Reunião participantes da Adoração Ss.mo Sacramento nas sextas – feiras 9am – 12pm .

 

4f - 7 pm = Eucaristia

7.30pm : Conselho de Pastoral


 

5f - 7 pm = Eucaristia 7.30pm –Ensaio de Canticos

6f - Adoração 9 am até 12 pm : 6f - 7 pm = Eucaristia

Sábado 06 de Junho de 2015: Jantar de Portugal Sb - 5.30 pm = 7º dia : José luis Cordeiro

Domingo 07 de Junho de 2015

10 am – Eucaristia! Corpo de Deus! Procissão depois da Missa, em redor da Igreja !

 

 

 

ANIV. de FALECIMENTO : 01 – 07 de JUNHO de 2015 :

 

† 1983 Serafim Cordeiro

† 1988 Januário Feijó

† 1989 Albertino Melo Botelho

† 1991 Abuim Manuel Tavares

† 1993 Maria do Carmo Falcão

† 1997 José Furtado da Costa

† 2003 José Carquez Couto

† 2007 Luisa de fátima Pimentel M. Praticante

† 2007 Laureno Silva Braga

 

rezaremos por eles na Eucaristia das 10 am, no dia 07. 06.2015    

O mistério da Santíssima Trindade é o mistério central da fé e da vida cristã. Só Deus pode nos dar a conhecer, revelando-se como Pai, Filho e Espírito Santo.

Terminado o Tempo Pascal no dia de Pentecostes, agora celebramos a Festa da Santíssima Trindade, isto é, a presença de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. É o mistério da revelação de Deus Trino, expressão de unidade na diversidade, de manifestação da divindade. É difícil entender esse mistério, a não com a revelação do próprio Deus.

Deus Pai aparece como o Criador de tudo, dando evidência para a pessoa humana com todas as suas características de vida. Deus Filho destaca-se como o Redentor, o Salvador de toda a humanidade criada e vivida na dignidade. E Deus Espírito Santo é o guia e santificador dos homens e mulheres no caminho de sua história de vida.

Pela revelação, Deus dá à criatura humana a possibilidade de participação nas realidades divinas. O próprio Deus Filho diz: “Quem crê em mim fará as obras que eu faço, e fará ainda maiores do que estas, porque eu vou para junto do Pai” (Jo 14, 12).

O mistério da Trindade lança luzes para a vida de comunidade, no amor, na partilha, na fidelidade e no compromisso/fraterno. Isto não é apenas um fato humanitário, mas com fundo cristão e de inspiração divina, que diviniza o humano.

Em última análise, todo o universo é obra de Deus, criado com Sabedoria, que se manifesta à criatura humana como fonte de alegria e de condições de sobrevivência e de vida. Com isto, o universo revela a Sabedoria e o querer de Deus para com as pessoas.

Tudo o que somos e temos manifesta o projeto de amor do Pai, que deseja a vida e a felicidade para toda a humanidade. Nós nos tornamos sempre criaturas novas pela fé, capazes para viver a paz e a esperança, enfrentando as dificuldades e as tribulações.

Temos que experimentar um Deus amor e comunhão com um projeto de libertação, de ternura, de compassividade e capacidade para ir ao encontro do outro e lhe prestar ajuda nas horas mais difíceis. É atitude de compaixão com doação sem medida.

--------------------------------------------------------Junho = Mes do Sagrado Coração de Jesus!

Intenções do papa Francisco para Junho: Universal: Imigrantes e refugiados
Para que os imigrantes e refugiados sejam acolhidos e respeitados nos países onde chegam.

Pela Evangelização: Vocação ao sacerdócio e à vida consagrada
Para que o encontro pessoal com Jesus suscite em muitos jovens o desejo de Lhe oferecerem a própria vida no sacerdócio ou na vida consagrada.

Festa do Sagrado Coração de Jesus Sexta-feira dia 12 de Junho 2015 Possivel procissão Domingo????

CREDO

 

Creio em um só Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra de todas as coisas visíveis e invisíveis.

Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigênito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos; Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; gerado, não criado, consubstancial ao Pai.

Por ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação, desceu dos céus e se encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras, e subiu aos céus, onde está sentado à direita do Pai. E de novo há de vir, em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim.

Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele falou pelos profetas.

Creio na Igreja, una, santa, católica e apóstolica. Professo um só batismo para a remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos e vida do mundo que há de vir. Amém.


 

No proximo Domingo é o Corpo de Deus!

Procissão com o Corpo de Deus em redor da Igreja. 10am

Jantar do dia de Portugal!

Sábado 06.de Junho de 2015 - Our Lady Fatima ______________________________________________

Curso sobre a mensagem de Fátima!

Com a imagem de Nossa Senhora de Fátima em peregrinação pelas terras de Portugal.

Teremos como preparação para o centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, um curso nos ( dias 03 de julho, noite, 04 sábado e 05 Domingo) ; 2016 : Centenário da aparição do Anjo.

Virá o Dr. Telmo ou P. Rui da Paróquia de Fátima, onde nasceram os Pastorinhos.

Inscrições abertas a todos! Incluindo outras comunidades.

LEITURA I - Deut 4,32-34.39-40:

Leitura do Livro do Deuteronomio Moisés falou ao povo, dizendo: «Interroga os tempos antigos que te precederam, desde o dia em que Deus criou o homem sobre a terra. Dum extremo ao outro dos céus, sucedeu alguma vez coisa tão prodigiosa? Ouviu-se porventura palavra semelhante? Que povo escutou como tu a voz de Deus a falar do meio do fogo e continuou a viver? Qual foi o deus que formou para si uma nação no seio de outra nação, por meio de provas, sinais, prodígios e combates, com mão forte e braço estendido, juntamente com tremendas maravilhas, como fez por vós o Senhor vosso Deus no Egipto, diante dos vossos olhos? Considera hoje e medita no teu coração que o Senhor é o único Deus, no alto dos céus e cá em baixo na terra, e não há outro. Cumprirás as suas leis e os seus mandamentos, que hoje te prescrevo, para seres feliz, tu e os teus filhos depois de ti, e tenhas longa vida na terra que o Senhor teu Deus te vai dar para sempre». Palavra do Senhor

 

SALMO RESPONSORIAL :

Feliz o povo que o Senhor escolheu para sua herança.
1. A palavra do Senhor é recta,/ da fidelidade nascem as suas obras./ Ele ama a justiça e a rectidão:/ a terra está cheia da bondade do Senhor.
2.A palavra do Senhor criou os céus,/ o sopro da sua boca os adornou./ Ele disse e tudo foi feito, /Ele mandou e tudo foi criado.
3.Os olhos do Senhor estão voltados/ para os que O temem,
para os que esperam na sua bondade,/ para libertar da morte as suas almas/ e os alimentar no tempo da fome.

 

LEITURA 11- Romanos 8,14-17 :

Leitura da Primeira Epístola do apóstolo São Paulo aos Romanos Irmãos: Todos os que são conduzidos pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. Vós não recebestes um espírito de escravidão para recair no temor, mas o Espírito de adopção filial, pelo qual exclamamos: «Abba, Pai». O próprio Espírito dá testemunho, em união com o nosso espírito, de que somos filhos de Deus. Se somos filhos, também somos herdeiros, herdeiros de Deus e herdeiros com Cristo; se sofrermos com Ele, também com ele seremos glorificados. Palavra do Senhor.

 

EVANGELHO - Mt 28,16-20:

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus Naquele tempo, os onze discípulos partiram para a Galileia, em direcção ao monte que Jesus lhes indicara. Quando O viram, adoraram-n'O; mas alguns ainda duvidaram. Jesus aproximou-Se e disse-lhes: «Todo o poder Me foi dado no Céu e na terra. Ide e fazei discípulos de todas as nações, baptizando-as em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-as a cumprir tudo o que vos mandei. Eu estou sempre convosco até ao fim dos tempos».Palavra da Salvação

 

++++++++++++++++++++++++++

ANIVERSARIOS DE BATISMO:

@ Nesta Semana; de 01 a 07 de Junho receberam o Batismo na nossa Igreja ( Our lady of Fatima ):

01. Victor Manuel Almeida; Gabrielle Kristina Major;

02. Devin Alexander Evaristo;

04. Fernando Georg R. Da Costa;

04. Estell Sousa de Oliveira;

04. Seleena Marie Braga;

05. Jason Michael Barbosa;

05. Stephanie Nicole couto;

06. Leslie Marie da Silva;

06. Cindy Lynn de Sá;

07. Christopher James Couto;

07. Jessica Nicole Ponte;

 

Eucaristia Sunday: 10 am - 07.06.2015

 

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Leitores do Domingo: (06 e 07 de Junhode 2015 ) : Sb 5.30pm = Dom. 10am = CORPO de DEUS!

Para actulizarmos a lista de leitores, agradecemos que contactem depois da Missa o Sr. Carlos Marques e Nelson.

Calendários de actividades

02.junho 2015 – reunião com os participantes na adoração do SS.mo Sacramento. 07 de junho 2015 – Corpo de Deus 10 de Junho de 2015 – Dia de Portugal 12 Junho 2012 – Festa do Sagrado Coração de Jesus 14 Junho 2015 – Procissão do sagrado Coração de Jesus! 27 de Junho 2015 – S. João, S. Pedro 03, 04, 05 de Julho de 2015- Curso sobre a Mensagem de Fátima – pré- inscrições

TRINITY SUNDAY – JUNE 3

 

FIRST READING ((Deuteronomy 4.32-34, 39-40):

A reading from the Book of Deuteronomy Moses spoke to the people saying, “Ask now about former ages, long before your own, ever since the day that God created man on the earth; ask from one end of heaven to the other; ‘Has anything so great as this ever happened or has its like ever been heard of?’ “Has any people ever heard the voice of a god speaking out of a fire, as you have heard, and lived? Or has any god ever attempted to go and take a nation for himself from the midst of another nation, by trials, by signs and wonders, by war, by a mighty hand and an outstretched arm, and by terrifying displays of power, as the Lord your God did for you in Egypt before your very eyes? “So acknowledge today and take to heart that the Lord is God in heaven above and on the earth beneath; there is no other. Keep his statutes and his commandments, which I am commanding you today for your own well-being and that of your descendants after you, so that you may long remain in the land that the Lord your God is giving you for all time.” —The word of the Lord. R. Thanks be to God.

 

RESPONSORIAL PSALM :

Blessed the people the Lord has chosen as his heritage. 1. The word of the Lord is upright,/ and all his work is done in faithfulness. / He loves righteousness and justice; /the earth is full of the steadfast love of the Lord. R. 2. By the word of the Lord /the heavens were made, /and all their host by the breath of his mouth. /For he spoke, ,and it came to be; /he commanded and it stood firm. R. 3.Truly the eye of the Lord is on those who fear him, /on those who hope in his steadfast love, /to deliver their souls from death, /and to keep them alive in famine. R.

 

SECOND READING (Romans 8:14-17):

A reading from the second letter of Paul to the Romans Brothers and sisters: All who are led by the Spirit of God are sons and daughters of God. For you did not receive a spirit of slavery to fall back into fear, but you have received a spirit of adoption to sonship. When we cry, “Abba! Father!” it is that very Spirit bearing witness with our spirit that we are children of God, and if children, then heirs, heirs of God and joint heirs with Christ—if, in fact, we suffer with him so that we may also be glorified with him. —The word of the Lord. R. Thanks be to God

 

GOSPEL (Matthew 28:16-20):

A reading from the holy Gospel according to Matthew The eleven disciples went to Galilee, to the mountain to which Jesus had directed them. When they saw him, they worshipped him; but some doubted. And Jesus came and said to them. “All authority in heaven and on earth has been given to me. Go therefore and make disciples of all nations, baptizing them in the name of the Father and of the Son and of the Holy Spirit, and teaching them to obey everything that I have commanded you. “And remember, I am with you always, to the end of the age.” R. Praise to you Lord Jesus Christ.

 

APOSTLE'S CREED:

I believe in God, the Father almighty, creator of heaven and earth, and in Jesus Christ, his only Son, our Lord, who was conceived by the Holy Spirit, born of the Virgin Mary, suffered under Pontius Pilate, was crucified, died, and was buried. He descended into hell; on the third day he rose again from the dead; He ascended into heaven, and is seated at the right hand of the Father almighty; from there He will come to judge the living and the dead. I believe in the Holy Spirit, the holy catholic Church, the communion of saints, the forgiveness of sins, the resurrection of the body, and life everlasting. Amen.

 

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++


 

PORTUGAL DAY! Sábado Jantar: 06.de Junho de 2015

DOMINGO DA SANTÍSSIMA TRINDADE

 

1. Na semana passada celebrávamos a solenidade do Pentecostes e, com ela, concluíamos o tempo da Páscoa. Agora, voltamos ao tempo litúrgico chamado "Tempo Comum", que nos levará, domingo após domingo, até ao Advento (Preparação para o Natal).
Retomamos este tempo contemplando o nosso Deus, que é Pai, Filho e Espírito Santo; fazemo-lo com um espírito aberto e agradecido por este Deus que nos ama e que quer sempre o nosso bem.
Neste Domingo da Santíssima Trindade celebra-se, no Patriarcado de Lisboa, o Dia da Igreja Diocesana. Todos os cristãos que vivem nesta porção do Povo de Deus têm oportunidade de afirmar-se membros de uma comunidade que tem o prazer de pautar a sua vida pelos valores cristãos e os critérios do Evangelho.
A Igreja não está fora do mundo, bem pelo contrário. O Senhor foi claro em dizer, na oração sacerdotal: "eles estão no mundo mas não são do mundo, como Eu também não sou do mundo. Pai Santo, como Tu me enviaste ao mundo, também Eu os envio ao mundo, não quero que os tires do mundo, mas que os livres da maldade. Santifica-os na verdade (Jo 17, 15-18).
Uma Igreja presente no mundo é uma comunidade "em saída" para ir ao encontro de todos os outros, sobretudo os que estão na periferia da cidade ou à margem da fé. É, então, objectivo de qualquer cristão, inserido numa Igreja de "portas abertas" ter em vista o que é essencial: estar em plena comunhão com Cristo, lutar pela dignidade e liberdade de todos os homens; assumir como grande mandamento o AMOR, e preocupar-se em todas as circunstâncias por ser feliz e fazer os outros felizes.

2. Será que a Igreja é capaz de percorrer este caminho?
Para consegui-lo tem que afirmar a sua identidade, o seu ADN, como una, santa, católica e apostólica.

* UNA - a unidade é elemento fundamental na vida da Igreja. O próprio Jesus disse: "que todos sejam um, como Tu Pai e eu somos um, e por isto acredita que Tu me enviaste" (Jo 17, 21).
* SANTA - a santidade é pedida a todos. Ela consiste em fazer extraordinariamente bem as coisas do dia-a-dia, e só se consegue "na plena e perfeita comunhão com Cristo" (LG (Lumen Gentium),50). Consiste em ser perfeito como é perfeito o nosso Pai celeste. Ser santo, como Deus é santo é desafio para todos os cristãos, vivendo no amor com todos.
* CATÓLICA - a universalidade é proposta feita por Jesus aos Apóstolos quando deles se despediu: "Ide por todo o mundo, anunciai o Evangelho a toda a criatura" (Mt 28, 19). Tem razão o Papa Francisco quando afirma que o sonho missionário é de todos e para todos. A Igreja tem as portas abertas a toda a gente e vai ao encontro de todos/as que se afastaram.
* APOSTÓLICA - a missão compete a todos os cristãos (como já reflectimos em domingos anteriores). Todos os baptizados têm o dever de irradiar a fé: levar o nome de Jesus Ressuscitado como Redentor e Salvador, a toda a parte, revelar o ser cristão no constante testemunho da vida, em todas as oportunidades, de tempo e lugar. É isto que os torna apóstolos.

3. O Papa Francisco vem reclamando constantemente para a Igreja uma renovação que diz ser inadiável. Também a Igreja local que é a nossa Diocese de Lisboa, com as muitas paróquias que a constituem necessita dessa renovação que deve assentar necessariamente na evangelização, não somente através de palavras mas sobretudo em empenhar-se na acção social, como forma explícita da confissão da fé. (A fé sem obras é morta, não tem sentido).

É por aqui que passa o caminho sinodal que a todos envolve. E neste caminho, devemos todos dar as mãos para construirmos:

1.1. Uma Igreja missionária: numa cidade que perde o sentido de Deus, que volta as costas aos valores cristãos e que abandona a espiritualidade e a religião, todos os membros da Igreja têm a responsabilidade de anunciar a Pessoa de Jesus, única e verdadeira fonte de salvação.
1.2. Uma Igreja ao encontro das periferias: o Papa Francisco não se cansa de pedir uma "Igreja em saída" para ir ao encontro dos que estão mais longe, dos que dizem que "a religião e a missa são uma seca". Nas periferias estão sobretudo os pobres, os idosos, os doentes, os imigrantes, os marginais, mas também aqueles que perderam a fé e que se afastaram totalmente da Igreja.

1.3. Uma Igreja que faz opção pelos mais frágeis: certamente que não é possível esquecer as crianças, os deficientes, os sem-abrigo, os presos e até os considerados pecadores pelos outros. Atenção: foram todos estes os escolhidos por Jesus. São estes a quem a Igreja, hoje, tem de estender as mãos.
Não custa nada ser beato/a dentro da minha igrejinha, onde vou fazer as minhas rezinhas (talvez mais de pedir do que de louvor) e logo que abandono a igreja fazer de conta que já estou justificado/a diante de Deus e que nada tenho a ver com os outros...
1.4. Uma Igreja de testemunho: aliás, foi este o pedido de Jesus ao despedir-se dos discípulos no Monte da Ascensão, quando disse: "sede minhas testemunhas em toda a parte" (Act 1, 8).
Ser testemunha é compreender e acolher toda a gente, mas é também anunciar Jesus sem medo, sem respeitos humanos, em toda a parte, pelo exemplo e pela palavra oportuna.
1.5. Uma Igreja com acção social: o Papa Francisco afirma que a confissão de fé se faz pela acção social (cf Evangelii Gaudium, 4º cap). A organização da caridade supõe a organização dos serviços de ajuda aos que mais precisam. É, fundamentalmente, a concretização de uma forma organizada das 14 Obras de Misericórdia "dar de comer a quem tem fome, dar de beber a quem tem sede, dar pousada aos peregrinos, vestir os nus...". A Caritas Portuguesa e as Conferências de São Vicente de Paulo estabelecidas em muitas paróquias têm desempenhado esta acção social.
Não podemos esquecer outros movimentos e organizações de solidariedade para com os que mais precisam, como é, por ex. o Banco Alimentar contra a Fome que, neste fim de semana, fazem recolha de toneladas de alimentos nos supermercados e grandes superfícies, para poder responder às "bocas famintas", muitas delas com origem na grave crise que ainda se vive neste país.
1.6. Uma Igreja sem medo da intervenção política: desde o Concílio Vaticano II que se afirma a responsabilidade dos cristãos na ordem temporal.
O cristão não pode ter receio de denunciar o que está errado, sobretudo no que toca à verdade, à justiça e à liberdade. Deve assumir ainda a responsabilidade de trabalhar para que a cidade dos homens seja pautada pelos valores cristãos, mantendo a fidelidade às propostas do Evangelho.
Testemunhemos, até pelo nosso voto, que os critérios do Evangelho são capazes de iluminar toda a realidade social.
A caminho do Sínodo, à luz da "Evangelii Gaudium", os cristãos devem ter sempre como objectivo:
a) Assumir ser missionários para "levar a Boa Nova aos pobres, a libertação aos oprimidos, a liberdade aos cativos, a vista aos cegos e a alegria aos que sofrem..." (Lc 4, 18-19).
b) Aprofundar a fé, anunciar Jesus Ressuscitado, ser solidário com os mais pobres, procurar transformar a sociedade e o meio em que se vive e, com tudo isto, ser cada um mais feliz e fazer os outros felizes também.

Esta é a missão de cada cristão!

Com amizade, desejo a todos/as uma semana cheia de paz e alegria

 

Dr. António Pires

Caro amigo(a)

 

Apelamos à sua generosidade neste momento em que vamos entrar em obras, para que possamos dar a todos o máximo de  condições na Paróquia de Nossa Senhora de Fátima

Clique em baixo para saber mais