Boletim

OUR LADY of FATIMA PARISH

 

588 Division Street,Kingston,ON, K7k 4B6

Telefone: 1 315 370 1356 (sacerdote).

www.fatimakingston.com

ANO A- 03.05.2015 - Nossa Senhora de Fatima

A festa da Primavera, organizada pela Comissão que tratou da Queen’s entregou à Igreja : 3,153.98. Obrigado a todos!

 

 

 

ANIV. de FALECIMENTO :27 de Abril a 03 de Maio de 2015 :

 

Victoriano Ponte

† 1989 Artur Santos Vaz

† 1995 Venicio Pereira

† 1996 Maria Clementina da Costa

† 2002 Georgina de Jesus Cabral

† 2002 Beatriz Raposo

† 2011 Laurenio Pacheco Beleza

 

rezaremos por eles na Eucaristia das 10am, no dia 03.05.2015

Programa da semana da festa de Nossa Senhora de Fátima 2015

 

Seg - 04.Maio 7pm –Eucaristia; terço Maltese

 

Ter – 05.Maio 7pm – Eucaristia ; Dutch –Holanda

 

Qua –06.Maio 7pm - Eucaristia; Filipines

 

Qui – 07.Maio 7pm - Mass and Rosary Ingles

 

Sexta -08.Maio ( 9am – 5pm Adoração do Santissimo Sacramento; 5.30 pm Eucaristia ( Mass ) ; Jantar da Festa!

 

Sábado ( 09. Maio de 2015)

5.30 pm – Reflexão com o Padre Rui Marto e Dr. Telmo Fernandes 7.30 pm Eucaristia – Procissão; terço em várias Linguas

 

Domingo ( 10. Maio de 2015)

8.00 am – St. Mary’s Cathedral; 10.30 am - St. Mary’s Cathedral

1.30 pm – 1º autocarro na Division para a Catedral. Por amabilidade da cidade de Kingston teremos dois autocarros gratuitos da Division, para a Catedral. O responsável e coordenador, entre outros, será o Sr. John Barbosa.

3 pm - Inicio da Procissão.

 

A procissão inicia-se na rua junto da capela de St. James; não na rua da porta principal da Catedral !

A equipe coordenadora terá identificação: Maria Lima, Eduardo Bettencourt, Eduardo Almeida, Mike Borges , Fernando Martins e outros.

 

Haverá fachas para indicar o lugar de todas as Comissões ou grupos, na procissão. Todos terão lugar nesta jornada de fé e poderemos integrar-nos junto do grupo com que mais nos identificarmos, colaboramos, junto das promessas ou no final, depois da banda.

 

Aproveitemos para rezar, meditar, peregrinar e encontrarmo-nos connosco proprios, com os outros e com Deus !

Que Maria nos acompanhe nesta jornada de fé.

Nossa Senhora de Fátima, Rogai por nós!

 

 

ANIV. de FALECIMENTO : 04 - 10 de Maio de 2015 :

 

† 1997 Eugenio Medeiros

† 1998 João Cordeiro \

† 1992 António Santos Cabral

† 2004 Francisco Duarte da Silva

† 2007 Branerfes Dutra

† 2013 José Santos Cabral

 

rezaremos por eles na Eucaristia das 4.30 pm, no dia 10.05.2015 FESTA de Nossa Senhora de fátima!

A Mensagem, em Termos Gerais

“A Mensagem de Fátima, em termos gerais, não é complicada. Pede por orações, reparação, arrependimento e sacrifício, e o abandono do pecado. Antes que Nossa Senhora aparecesse aos três pequenos pastores, Lúcia, Francisco e Jacinta, O Anjo da Paz visitou-os. O Anjo preparou as crianças para que recebessem a Abençoada Virgem Maria, e as instruções do anjo são aspecto importante da Mensagem, aspecto que é freqüentemente ignorado.

O Anjo demonstrou às crianças a maneira fervente, atenciosa e calma na qual devemos todos orar, e a reverência que devemos mostrar a Deus na oração. Também lhes explicou a grande importância de orar e fazer sacrifícios em reparação pelas ofensas cometidas contra Deus. Dsse às crianças: ‘Façam de tudo o que puderem um sacrifício e ofereçam a Deus como ato de reparação pelos pecados, pelos quais Ele se ofende, e em súplica pela conversão dos pecadores’. Na terceira e última aparição às crianças, o Anjo deu -lhes a Santa Comunhão, e demonstrou a maneira correta de receber Nosso Senhor na Eucaristia: todas as três crianças se ajoelharam para receber a Comunhão, e Lúcia recebeu a Sagrada Hóstia na sua língua e o Anjo dividiu o Sangue do Cálice entre Francisco e Jacinta, que fizeram deste modo a 1a comunhão.

Nossa Senhora realçou a importância de oração do Rosário em todas as aparições, pedindo às crianças que a fizessem todos os dias, pedindo pela paz. Outra parte principal da Mensagem de Fátima é devoção ao Imaculado Coração de Nossa Senhora, que está terrivelmente ultrajado e ofendido pelos pecados da 

humanidade, e no amor, somos fortemente orientados a consolá-La, fazendo reparação. Mostrou às crianças o seu Coração, cercado de espinhos que o penetravam (que representavam os pecados contra Seu Imaculado Coração), e elas compreenderam que seus sacrifícios poderiam ajudar a consolá-La.

 

 

CREDO

 

Creio em um só Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra de todas as coisas visíveis e invisíveis.

Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigênito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos; Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; gerado, não criado, consubstancial ao Pai.

 

Por ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação, desceu dos céus e se encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras, e subiu aos céus, onde está sentado à direita do Pai. E de novo há de vir, em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim.

 

Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele falou pelos profetas.

 

Creio na Igreja, una, santa, católica e apóstolica. Professo um só batismo para a remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos e vida do mundo que há de vir. Amém.     

LEITURA I Actos 9, 26-31 : Leitura dos Actos dos Apóstolos

 

Naqueles dias, Saulo chegou a Jerusalém e procurava juntar-se aos discípulos. Mas todos o temiam, por não acreditarem que fosse discípulo. Então, Barnabé tomou-o consigo, levou-o aos Apóstolos e contou-lhes como Saulo, no caminho, tinha visto o Senhor, que lhe tinha falado, e como em Damasco tinha pregado com firmeza em nome de Jesus. A partir desse dia, Saulo ficou com eles em Jerusalém e falava com firmeza no nome do Senhor. Conversava e discutia também com os helenistas, mas estes procuravam dar-lhe a morte. Ao saberem disto, os irmãos levaram-no para Cesareia e fizeram-no seguir para Tarso. Entretanto, a Igreja gozava de paz por toda a Judeia, Galileia e Samaria, edificando-se e vivendo no temor do Senhor e ia crescendo com a assistência do Espírito Santo.
Palavra do Senhor.

 

 


SALMO RESPONSORIAL Salmo 21 :

 

Eu Vos louvo, Senhor, no meio da multidão. Eu Vos louvo, Senhor. Eu Vos louvo, Senhor
1. Cumprirei a minha promessa / na presença dos vossos fiéis.
Os pobres hão-de comer e serão saciados,/ louvarão o Senhor os que O procuram:/ vivam para sempre os seus corações.
2.Hão-de lembrar-se do Senhor e converter-se a Ele/ todos os confins da terra;/ e diante d’Ele virão prostrar-se/ todas as famílias das nações. 3.Só a Ele hão-de adorer/ todos os grandes do mundo,/ diante d’Ele se hão-de prostrar/ todos os que descem ao pó da terra.

 

 


LEITURA II 1 Jo 3, 18-24 : Leitura da Primeira Epístola de São João


Meus filhos, não amemos com palavras e com a língua, mas com obras e em verdade. Deste modo saberemos que somos da verdade e tranquilizaremos o nosso coração diante de Deus; porque, se o nosso coração nos acusar, Deus é maior que o nosso coração e conhece todas as coisas. Caríssimos, se o coração não nos acusa, tenhamos confiança diante de Deus e receberemos d’Ele tudo o que Lhe pedirmos, porque cumprimos os seus mandamentos e fazemos o que Lhe é agradável. É este o seu mandamento: acreditar no nome de seu Filho, Jesus Cristo, e amar-nos uns aos outros, como Ele nos mandou. Quem observa os seus mandamentos permanece em Deus e Deus nele. E sabemos que permanece em nós pelo Espírito que nos concedeu.
Palavra do Senhor.


 

 

EVANGELHO Jo 15, 1-8 : Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João

 

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Eu sou a verdadeira vide e meu Pai é o agricultor. Ele corta todo o ramo que está em Mim e não dá fruto e limpa todo aquele que dá fruto, para que dê ainda mais fruto. Vós já estais limpos, por causa da palavra que vos anunciei. Permanecei em Mim e Eu permanecerei em vós. Como o ramo não pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira, assim também vós, se não permanecerdes em Mim. Eu sou a videira, vós sois os ramos. Se alguém permanece em Mim e Eu nele, esse dá muito fruto, porque sem Mim nada podeis fazer. Se alguém não permanece em Mim, será lançado fora, como o ramo, e secará. Esses ramos, apanham-nos, lançam-nos ao fogo e eles ardem. Se permanecerdes em Mim e as minhas palavras permanecerem em vós, pedireis o que quiserdes e ser-vos-á concedido. A glória de meu Pai é que deis muito fruto. Então vos tornareis meus discípulos».
Palavra da salvação.

ANIVERSARIOS DE BATISMO:

@ Nesta Semana; de 04 a 10 de Maio receberam o Batismo na nossa Igreja ( Our lady of Fatima ):

 

03. Nathan Christopher Rodrigues; Ashley Marie Raposo; Ashley Marie Couto;

04. Veneza da Silva Vieira;

05. Michael Charles R. De Sousa Andrews; Mathew Manuel dos santos;

07. Paulina Celeste Lopes Pestana Rodrigues;

08. Tina Marie Bastos; Anna Marie Bastos; Christopher Felix ;

10. Kevin Pacheco Furtado;

 

Eucaristia Sunday: 4.30 pm - 10.05.2015 Festa de Nossa Senhora de Fátima

 

Leitores do Domingo: ( 09 - 10 Maio de 2015 ) :

Sb 7.30 pm = Nossa Senhora!

Dom. 4.30 pm = Nossa Senhora!

FIRST READING Acts 9:26-31

 

A reading from the Acts of the Apostles When Saul arrived in Jerusalem he tried to join the disciple but they were all afraid of him, not believing that he was a disciple.
Then Barnabas took charge of him and brought him to the apostles, and he reported to them how he had seen the Lord, and that he had spoken to him, and how in Damascus he had spoken out boldly in the name of Jesus.
He moved about freely with them in Jerusalem, and spoke out boldly in the name of the Lord.
He also spoke and debated with the Hellenists, but they tried to kill him.
And when the brothers learned of this, they took him down to Caesarea and sent him on his way to Tarsus.
The church throughout all Judea, Galilee, and Samaria was at peace.
It was being built up and walked in the fear of the Lord, and with the consolation of the Holy Spirit it grew in numbers. —The word of the Lord. R. Thanks be to God.

 

 

 

 

RESPONSORIAL PSALM: Ps 22

 

I will praise you, Lord, in the assembly of your people.
1.I will fulfill my vows before those who fear the LORD. The lowly shall eat their fill; they who seek the LORD shall praise him: “May your hearts live forever!”.
2.All the ends of the earth shall remember and turn to the LORD; all the families of the nations shall bow down before him.
3.To him alone shall bow down all who sleep in the earth; before him shall bend all who go down into the dust.

 

 

 


SECOND READING 1 Jn 3:18-24 A reading from the first letter of John

 

Children, let us love not in word or speech but in deed and truth.
Now this is how we shall know that we belong to the truth and reassure our hearts before him in whatever our hearts condemn,
for God is greater than our hearts and knows everything. Beloved, if our hearts do not condemn us, we have confidence in God and receive from him whatever we ask, because we keep his commandments and do what pleases him.  

And his commandment is this: we should believe in the name of his Son, Jesus Christ, and love one another just as he commanded us.
Those who keep his commandments remain in him, and he in them, and the way we know that he remains in us is from the Spirit he gave us. —The word of the Lord. R. Thanks be to God.

 

 

 

 

GOSPEL (Jn 15:1-8 ) :A reading from the holy gospel according to John

 

Jesus said to his disciples:
“I am the true vine, and my Father is the vine grower.
He takes away every branch in me that does not bear fruit, and every one that does he prunes so that it bears more fruit. You are already pruned because of the word that I spoke to you. Remain in me, as I remain in you.
Just as a branch cannot bear fruit on its own
unless it remains on the vine, so neither can you unless you remain in me. I am the vine, you are the branches.
Whoever remains in me and I in him will bear much fruit,
because without me you can do nothing. Anyone who does not remain in me will be thrown out like a branch and wither; people will gather them and throw them into a fire and they will be burned. If you remain in me and my words remain in you, ask for whatever you want and it will be done for you. By this is my Father glorified,
that you bear much fruit and become my disciples.” The gospel of the Lord. R. Praise to you Lord 

 

 

 

 

APOSTLE'S CREED:

 

I believe in God, the Father almighty, creator of heaven and earth, and in Jesus Christ, his only Son, our Lord, who was conceived by the Holy Spirit, born of the Virgin Mary, suffered under Pontius Pilate, was crucified, died, and was buried. He descended into hell; on the third day he rose again from the dead; He ascended into heaven, and is seated at the right hand of the Father almighty; from there He will come to judge the living and the dead. I believe in the Holy Spirit, the holy Catholic Church, the communion of saints, the forgiveness of sins, the resurrection of the body, and life everlasting. Amen

Reflexão do dia de S. José Trbalhador 01.05.2015

 

Que a bênção de Deus esteja sobre todos os trabalhadores, porque todo trabalho é sagrado e todo trabalhador é digno de respeito e de consideração no exercício do seu ofício! 

 

“Não é ele o filho do carpinteiro?” (Mateus 13, 55).

 

A Igreja dá –nos a alegria de celebrarmos no dia de hoje a memória de São José Operário. O pai adotivo de Jesus, o esposo da Virgem Maria, que tinha uma nobre profissão: ele era carpinteiro. Da carpintaria de José saía o sustento da sua família; ele trabalhava todos os dias com dedicação e afinco. Até hoje, quando vamos a Nazaré, podemos contemplar o lugar onde era a carpintaria de s. José.

 

Queremos olhar para o exemplo de São José trabalhador, ensinou seu Filho também a trabalhar. Jesus também ia para a carpintaria de S. José e ali aprendeu da mesma forma a fazer trabalhos manuais. Afinal de contas, o trabalho dignifica o homem e dá honra à natureza humana, porque a vida na Terra só é melhorada e só evolui graças ao trabalho do homem, que aproveita as matérias-primas existentes e delas faz coisas esplêndidas!     

Como dentro em breve vamos iniciar obras de melhoramento consagramos os nossos esforços a S. José. Que Maria nossa Mãe, seu esposo S. José e com o dom do divino Espirito Santo saibamos unir-nos neste projecto que antes de mais deve ser o espelho da nossa alegria de trabalhar para o bem comum.

 

Se Deus, que não se cansa, quis um dia descansar, imaginem nós que nos cansamos com tanta coisa! Para que tenhamos mais vida e mais dignidade, é importante que saibamos viver o descanso da reforma, que procuremos qualidade de vida para todos aqueles que estando em tempo de reforma, saibam e tenham ocupações, que dignifiquem as suas vidas.

 

Hoje mesmo, a esta hora, o Salão está cheio com a comunidade de Kingston, no mais alto nivel. A comunidade portuguesa de Kingston olhando para o modelo de trabalho de S. José, trabalhou e trabalha para acolher a todos com o maior e mais alto nivel. Obrigado a todos!

 

A nossa oração dirige -se também àqueles que estão desempregados. Todo homem, todo ser humano merece ter direito ao trabalho; no entanto, devido ao andar da economia de tantos lugares no mundo, muitas vezes, esse direito não é garantido, por isso também pedimos que Deus abençoe todos os nossos desempregados.

 

S. José rogai por nós. Que Deus nos abençoe ! Amen!

 

P. Manuel Tavares

V DOMINGO DA PÁSCOA e DIA DA MÃE

 

O texto do Evangelho de hoje mostra como não basta ter fé em Cristo mas é preciso permanecer nEle, unido a Ele.  Para mostrar a solidariedade e íntima união entre Ele e os Seus discípulos, Jesus socorreu-se da alegoria da videira.

 

1. Ele é a videira e os cristãos, os discípulos de hoje, são os ramos, mas há ramos secos, que não dão nada, e ramos verdes, que dão fruto.  Só é possível dar fruto de boas obras estando unido a Ele.  O agricultor que cuida da videira, a pode e a limpa, é Deus.
Já no Antigo Testamento, aparece muito o tema da videira e da vinha, sendo o Povo de Israel considerado a vinha de Deus. Mas esse povo foi pouco generoso nos frutos e no carinho do dono da vinha para com a videira, os profetas viam a imagem do amor de Deus para com o Seu Povo; na falta de frutos viam a infidelidade do Povo.  A Liturgia deste domingo tem uma característica: uma dinâmica pastoral.  O acreditar em Jesus passa pela comunhão de todos, pela unidade que deve existir entre aqueles que se dizem cristãos.  A dinâmica é esta: Jesus é a verdadeira vide e nós somos os seus ramos. Isto é, se não estiver unido a Cristo, que é a videira, não posso dar fruto. Só estou unido a Jesus, só amo Jesus e os outros se tiver obras concretas de amor.

 

2. O Apóstolo Paulo viveu em comunhão com Cristo, depois de convertido a caminho de Damasco onde ia perseguir cristãos, e porque depois da conversão viveu sempre em comunhão com Jesus deu muito fruto, convertendo muitos discípulos. (1ª Leitura: Act 9, 26-31)  A videira constitui também uma unidade: Jesus é a cepa e nós, os ramos. E estes, se não estiverem unidos à cabeça (à cepa), secam, caem ao chão e para nada servem.  Nós que somos os ramos, para darmos fruto, temos que estar unidos a Ele, senão secamos, seremos cortados e deitados fora. Se procuramos apenas a nossa própria salvação sem nos importarmos com os outros, não estamos a dar fruto, não corre em nós a seiva que vem de Cristo e, por isso, somos ramos secos e não produtivos. Se não dermos fruto, não seremos discípulos de Jesus. Temos apenas o nome de cristãos. São aqueles que se contentam apenas com a missa dominical de longe a longe e que têm as suas "rezinhas" muito próprias e às vezes sem grande conteúdo e sentido. Isso, de nada lhes aproveita.  Como diz o Papa Francisco: temos que sair para fora, devemos levar a mensagem aos outros. Só assim nos tornamos verdadeiros discípulos de Jesus. Só assim teremos vocação de missionários.

 

3. O amor aos outros. Não pode ser um amor apenas de palavras. Tem que ser um amor prático, consistente em obras.  O Senhor deu-nos um testamento: "Acreditai em Mim e tende amor para com todos". Isto é, a nossa fé só tem sentido se amarmos. Como refere o Papa Francisco: "Não é a nossa vida litúrgica que constitui a nossa marca de cristãos, mas sim a nossa acção social" que consiste antes, na nossa preocupação pela solução dos problemas dos outros, daqueles que procuram a nossa ajuda, que estão desesperados e não encontram apoio e ajuda em mais ninguém.

 

4. O exemplo e a história de Paulo. A caminho de Damasco, Jesus diz-lhe: "Sou aquele a quem tu persegues" e disse-lhe ainda o que tinha de fazer.  Não lhe recomendou que tinha de rezar esta ou aquela oração, mas que tinha de ir contactar os cristãos de várias comunidades para lhes falar de Jesus Ressuscitado, Eram as comunidades de Damasco, Jerusalém e de Antioquia.
Paulo fundou dezenas de comunidades cristãs dando frutos em abundância, mas sempre em comunhão, em união com Jesus Cristo. Não se contentou em ficar apenas com a sua própria conversão mas tornou-se no Apóstolo das Gentes, de muitos povos e de muitas culturas.  Fiquemos com 3 notas finais:

A) Não há vida cristã sem a comunhão, sem união à Igreja, sem vivermos unidos, em Sínodo (comunhão). Não podemos ser cristãos à nossa maneira, mas sim em família, em comunhão, em entre-ajuda, unidos num só coração e numa só alma.
Num mundo marcado por divisões (na política, na vida sindical, na economia, na educação), o sinal distintivo da Igreja é a comunhão e não a divisão.

B) Dar fruto em duas dimensões:

* Acreditar em Jesus Ressuscitado e mostrar sem receio ou vergonha que aderi à Pessoa de Jesus.
* Não querer salvar-se sozinho, mas dar fruto, ajudando os outros que de nós precisam, irradiando o Evangelho pelo testemunho de vida e dando-se aos outros.  É a Igreja em saída, no dizer do nosso Papa
* Dar fruto, que advém da nossa relação com Jesus através da Palavra de Deus para O conhecer melhor. Sem este conhecimento, não podemos ter uma vida cristã de testemunho e de comunhão.

 

Conclusão: Precisamos muito da ajuda de Deus para estarmos unidos à videira que é Cristo e em comunhão com Ele para podermos dar muito fruto.  "Sem Mim, nada podeis fazer". Cristo e os cristãos formam um só corpo: Ele é a cabeça e nós, os membros.  Existe o mal da auto-suficiência: Muitos dizem "eu cá tenho a minha fé e isso é quanto me basta. Não preciso da Igreja para nada, nem de padres, confesso-me directamente a Deus e os que vão à igreja são piores que eu...", etc, etc,  A verdade é esta: o homem sozinho não se aguenta. É unidos a Cristo que frutificamos. A liturgia de hoje é um convite a que tenhamos a vida de Deus em nós, pois as faltas graves, sobretudo as que ofendem os irmãos, separam-nos de Jesus.

 

C) - Se estamos ligados a Cristo só pela Fé e pelo Baptismo mas sem a graça de Deus, somos ramos secos. Cortam-se e deitam-se ao fogo.  Os chamados católicos não praticantes não serão ramos secos?  Tornamo-nos ramos secos quando somos infiéis aos compromissos do Baptismo e seguimos o caminho da injustiça, da violência , do ódio, da vingança, da mentira, da auto-suficiência, do egoísmo...
- Mas se, além da Fé e do Baptismo, estamos unidos a Cristo pela graça de Deus, se O amamos e por Ele amamos os outros, somos ramos verdes e damos fruto.

"Sem Mim nada podeis fazer" diz o Senhor. Sem a ajuda de Deus não podemos nada.

Sendo hoje o Dia da Mãe, aproveito para saudar todas as Mães que estão entre nós e aquelas que já partiram para a Casa do Pai para receberem o prémio da sua doação e entrega incondicional à família.  Peço à Mãe do Céu que a todas abençoe na mais nobre missão que existe na terra.

 

Dr. Antonio Pires

Caro amigo(a)

 

Apelamos à sua generosidade neste momento em que vamos entrar em obras, para que possamos dar a todos o máximo de  condições na Paróquia de Nossa Senhora de Fátima

Clique em baixo para saber mais