Mensagem do papa para a Quaresma 2015:

 

Depois de nos dar uma reflexão para a Quaresma: Globalização da indiferença.                                                                          Diz: “Abandonar os idosos é um pecado mortal".

 

OS DEZ MANDAMENTOS são normas para conduta humana. São prescrições morais resumidos em dez itens. Os mandamentos são força libertadora, ao invés de ser coisa que aprisiona. Na medida em que temos um indicador para seguir, evitamos cometer erros que o afastam do plano de Deus. O que Deus manda, torna-o possível pela Sua graça.

 

OS DEZ MANDAMENTOS descrevem as exigências do amor de Deus e do próximo: Os três primeiros referem –se aos deveres do homem para com Deus, e pode ser resumido em "Amarás o Senhor teu Deus de todo teu coração, de toda tua alma e de todo o entendimento" (Mt 22,37). Os outros sete mandamentos referem –se ao amor ao próximo. E foi resumido assim: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo" (Mc 12,31).

Credo

 

Creio em um só Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra de todas as coisas visíveis e invisíveis.

Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigênito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos; Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; gerado, não criado, consubstancial ao Pai.

Por ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação, desceu dos céus e se encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras, e subiu aos céus, onde está sentado à direita do Pai. E de novo há de vir, em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim.

Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele falou pelos profetas.

Creio na Igreja, una, santa, católica e apóstolica. Professo um só batismo para a remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos e vida do mundo que há de vir. Amém.       

Bus para Hamilton Romaria!

 

Março 22, 2015 – 1.30am São precisas 32 pessoas no minimo! É muito importante organizarmos a nossa representação!

Contactar D. Aldora!

Romaria em Kingston

 

Março 28, 2015 – Vamos acolher com animo os Romeiros que nos visitam.

Na sexta-feira dia 27 . 7pm : iniciaremos a Adoração do Santissimo Sacramento : 24 horas.

Sábado 28 .03.2015 – 5.30pm: - terminaremos com a procissão do Santissimo Sacramento dentro da Igreja com os nossos Irmãos Romeiros.

Festa de S. José 21.03.2015 ( Jantar)

 

Dia 19 de Março dia de S. José! 7 pm: Eucaristia : Domingo Eucaristia : 10am.

Sabia que:

 

A festa principal da Cidade de Santarém é em honra de S. José. O feriado municipal (dia 19) inicia-se com uma missa, procissão e bênção dos Romeiros de S. José.

 

As festas, que assinalam a Reconquista Cristã de Santarém ( 15 de Março de 1147 ) em que se comemora o seu patrono, S. José, a 19 de Março.

 

S. josé estará no altar principal da nossa Igreja Our Lady Fatima em Kingston. Apesar de na Quaresma não haver flores na Igreja, S. José, dia 19, terá flores para o honrar!.

Agenda Semana Santa 2015

 

22. Março – Romaria em Hamilton

 

27. Março - 7pm: inicio de 24 horas de Adoração ao Santissimo Sacramento ; termina com procissão dentro da Igreja com os Romeiros sábado 28 – 5.30pm.

 

28. Março - ROMARIA em KINGSTON.

 

29.Março : RAMOS ( Confissões -   6pm -   dia de Ramos)  .  Teremos na nossa Igreja a presença de Sacerdotes, para nos atenderem de confissão!

 

31 de Março – Benção dos Santos Oleos na Catedral; renovação das Promessas Sacerdotais.

 

02 Abril - 7pm -  Lava-pés ( como nos anos anteriores dois homens representantes de cada Comissão)

 

03.Abril – 3pm -  Paixão ( Amigos do Senhor Santo Cristo)

 

04.Abril – 10pm-noite de Páscoa – Ressurreição, benção do Lume Novo exterior da Igreja, àgua baptismal. Com os irmãos da quinta –feira Santa .

 

05.Abril – Páscoa - Iniciaremos o dia com o anuncio da Ressurreicção nas casas dos Idosos e doentes. Agradecemos que as Familias façam as inscrições.

10am –  Eucaristia de Páscoa;  benção das coroas do Divino Espirito Santo, com a àgua baptismal.  E partida para a

 

Visita PASCAL

 

Fazer inscrições por favor;  formula fundo da Igreja ou  nesta página " contacta -nos " . Responsável o Sr. Domingos Macedo.

Viagem a New York _ New York Trip

 

April 17, 18, 19, 20 - Contactar D. Aldora 

LEITURA I – 2 Cr 36,14-16.19-23 - Leitura do Segundo Livro das Crónicas

 

Naqueles dias, todos os príncipes dos sacerdotes e o povo multiplicaram as suas infidelidades, imitando os costumes abomináveis das nações pagãs, e profanaram o templo que o Senhor tinha consagrado para Si em Jerusalém. O Senhor, Deus de seus pais, desde o princípio e sem cessar, enviou-lhes mensageiros, pois queria poupar o povo e a sua própria morada. Mas eles escarneciam dos mensageiros de Deus, desprezavam as suas palavras e riam-se dos profetas, a tal ponto que deixou de haver remédio, perante a indignação do Senhor contra o seu povo. Os caldeus incendiaram o templo de Deus, demoliram as muralhas de Jerusalém. Lançaram fogo aos seus palácios e destruíram todos os objectos preciosos. O rei dos caldeus deportou para Babilónia todos os que tinham escapado ao fio da espada; e foram escravos deles e de seus filhos, até que se estabeleceu o reino dos persas. Assim se cumpriu o que o Senhor anunciara pela boca de Jeremias: «Enquanto o país não descontou os seus sábados, esteve num sábado contínuo, durante todo o tempo da sua desolação, até que se completaram setenta anos». No primeiro ano do reinado de Ciro, rei da Pérsia, para se cumprir a palavra do Senhor, pronunciada pela boca de Jeremias, o Senhor inspirou Ciro, rei da Pérsia, que mandou publicar, em todo o seu reino, de viva voz e por escrito, a seguinte proclamação: «Assim fala Ciro, rei da Pérsia: O Senhor, Deus do Céu, deu-me todos os reinos da terra e Ele próprio me confiou o encargo de Lhe construir um templo em Jerusalém, na terra de Judá. Quem de entre vós fizer parte do seu povo ponha-se a caminho e que Deus esteja com ele». Palavra do Senhor

 

 

 

SALMO RESPONSORIAL : Se eu me não lembrar de ti, Jerusalém, fique presa a minha língua.

 

1.Sobre os rios de Babilónia nos sentámos a chorar, /com saudades de Sião. /Nos salgueiros das suas margens, / dependurámos nossas harpas.

2. Aqueles que nos levaram cativos /queriam ouvir os nossos cânticos /e os nossos opressores uma canção de alegria: /«Cantai-nos um cântico de Sião».

3.Como poderíamos nós cantar um cântico do Senhor/ em terra estrangeira? /Se eu me esquecer de ti, Jerusalém, / esquecida fique a minha mão direita.

LEITURA II – Ef 2,4-10 - Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Efésios

 

Irmãos: Deus, que é rico em misericórdia, pela grande caridade com que nos amou, a nós, que estávamos mortos por causa dos nossos pecados, restituiu-nos à vida em Cristo – é pela graça que fostes salvos – e com Ele nos ressuscitou e nos fez sentar nos Céus com Cristo Jesus, para mostrar aos séculos futuros a abundante riqueza da sua graça e da sua bondade para connosco, em Cristo Jesus. De facto, é pela graça que fostes salvos, por meio da fé. A salvação não vem de vós: é dom de Deus. Não se deve às obras: ninguém se pode gloriar. Na verdade, nós somos obra sua, criados em Cristo Jesus, em vista das boas obras que Deus de antemão preparou, como caminho que devemos seguir. Palavra do Senhor

 

 

 

EVANGELHO: Jo 3,14-21 - Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João

 

Naquele tempo, disse Jesus a Nicodemos: «Assim como Moisés elevou a serpente no deserto, também o Filho do homem será elevado, para que todo aquele que acredita n’Ele não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus não enviou o Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por Ele. Quem acredita n’Ele não é condenado, mas quem não acredita já está condenado, porque não acreditou em nome do Filho Unigénito de Deus. E a causa da condenação é esta: a luz veio ao mundo e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque eram más as suas obras. Todo aquele que pratica más acções odeia a luz e não se aproxima dela, para que as suas obras não sejam denunciadas. Mas quem pratica a verdade aproxima-se da luz, para que as suas obras sejam manifestas, pois são feitas em Deus. Palavra do Senhor

 

 

 

ANIVERSARIOS DE BATISMO:

 

@ Nesta Semana; de 16 a 22 de Março receberam o Batismo na nossa Igreja (Our lady of Fatima):

 

19. Marc Borges Ferreira;                                                            20. Sasha Nicole Silva;                                                                 20. Riley Mrelin Harris;

Eucaristia Sunday:10am- 22.03.2015

__________________________________________________

 

Leitores do próxima Semana                                                       21 e 22 Março de 2015  :          

 

 Sb:5.30 pm – Rosa Macedo; 10am – Victor Lincho / Elisabete

FIRST READING (2 Chronicles 36:14-17, 19-23) A reading from the second book of Chronicles

 

All the leading priests and the people also were exceedingly unfaithful, following all the abominations of the nations; and they polluted the house of the Lord that he had consecrated in Jerusalem. The Lord, the God of their ancestors, persistently sent his messengers to them, because he had compassion on his people and on his dwelling place; but they kept mocking the messengers of God, despising his words, and scoffing at his Prophets, until the wrath of the Lord against his people became so great that there was no remedy. Therefore the Lord brought up against them the king of the Chaldeans, who burned the house of God, broke down the wall of Jerusalem, burned all its palaces with fire, and destroyed all its precious vessels. The king took into exile in Babylon those who had escaped from the sword, and they became servants to him and to his sons until the establishment of the kingdom of Persia, to fulfill the word of the Lord by the mouth of Jeremiah, until the land had made up for its Sabbaths. All the days that it lay desolate it kept Sabbath, to fulfill seventy years. In the first year of King Cyrus of Persia, in fulfillment of the word of the Lord spoken by Jeremiah, the Lord stirred up the spirit of King Cyrus of Persia so that he sent a herald throughout all his kingdom and also declared in a written edict: “Thus says King Cyrus of Persia: The Lord, the God of heaven, has given me all the kingdoms of the earth, and he has charged me to build him a house at Jerusalem, which is in Judah. Whoever is among you of all his people, may the Lord his God be with him! Let him go up.” —The word of the Lord. R. Thanks be to God.

 

 

 

RESPONSORIAL PSALM: Let my tongue cling to my mouth if I do not remember you!

 

1.By the rivers of Babylon/ there we sat down and there we wept / when we remembered Zion. /On the willows there we hung up our harps. R.

2.For there our captors / asked us for songs, /and our tormentors asked for mirth, saying, /“Sing us one of the songs of Zion!” R. 3.How could we sing the Lord’s song in a foreign land? /If I forget you, O Jerusalem, let my right hand wither! R. 

SECOND READING (Ephesians 2:4-10) A reading from the Letter of Paul to the Ephesians

 

God, who is rich in mercy, out of the great love with which he loved us even when we were dead through our trespasses, made us alive together with Christ—for it is by grace you have been saved. And God raised us up with Christ and seated us with him in the heavenly places in Christ Jesus, so that in the ages to come God might show the immeasurable riches of his grace in kindness toward us in Christ Jesus. For by grace you have been saved through faith, and this is not your own doing; it is the gift of God. This is not the result of works, so that no one may boast. For we are what he has made us, created in Christ Jesus for good works, which God prepared beforehand to be our way of life. —The word of the Lord. R. Thanks be to God. 

 

 

GOSPEL (John 3:14-21): A reading from the holy gospel according to John

 

Jesus said to Nicodemus: “Just as Moses lifted up the serpent in the wilderness, so must the Son of Man be lifted up, that whoever believes in him may have eternal life. “For God so loved the world that he gave his only begotten Son, so that everyone who believes in him may not perish but may have eternal life. “Indeed, God did not send the Son into the world to condemn the world, but in order that the world might be saved through him. The one who believes in him is not condemned; but the one who does not believe is condemned already, for not having believed in the name of the only Son of God. “And this is the judgment, that the light has come into the world, and people loved darkness rather than light because their deeds were evil. For all who do evil hate the light and do not come to the light, so that their deeds may not be exposed. But those who do what is true come to the light, so that it may be clearly seen that their deeds have been done in God.” The gospel of the Lord. R. Praise to you Lord Jesus Christ.

 

 

APOSTLE'S CREED:

 

I believe in God, the Father almighty, creator of heaven and earth, and in Jesus Christ, his only Son, our Lord, who was conceived by the Holy Spirit, born of the Virgin Mary, suffered under Pontius Pilate, was crucified, died, and was buried. He descended into hell; on the third day he rose again from the dead; He ascended into heaven, and is seated at the right hand of the Father almighty; from there He will come to judge the living and the dead. I believe in the Holy Spirit, the holy catholic Church, the communion of saints, the forgiveness of sins, the resurrection of the body, and life everlasting. Amen

Domingo 15 .03.2015 - reflexão: Seguir a Luz!

# Semana: 16 a 22 de Março de 2015

 

2f – 6 pm=Eucaristia

3f – 6pm=Eucaristia

4f - 6pm=Eucaristia seguida de Via Sacra !

 

5f - 7 pm=    Festa de S. José / Ensaio de canticos

 

6f - 8.30 am=Eucaristia, seguida de Adoração do Santissimo Sacramento das 9 horas até meia noite!

 

Sábado 21 de Março de 2015:

 

9am=Não há Eucaristia!

5.30pm=Eucaristia Vespertina                                            Seguindo-se o jantar em honra de S. José

 

Domingo 22 de Março de 2015

10 am – Eucaristia Dominical

 

Peditório Especial ajudar os pobres no seu desnvolvimento e a terem paz.

 

 

ANIVERSARIOS de FALECIMENTO da SEMANA de 16 a 22 de Março de 2015, registados no nosso livro paroquial:

 

† 1983 John Ferreira Tavares;

† 1986 Daniel Veloso;

† 1987 Basilio T. Matias;

† 1988 José Barbosa Pwereira;

† 1992 Cristina da Ponte;

† 1994 Ezequiel Medeiros;

† 1996 João Pedro dos Santos;

† 1999 Lidia Silva Alves;

† 2010 Artur Valente dos Santos Vaz;

† 2011 Eduardo da Silva Amorim;

†2014 Artur Bastos dos santos;             Paz às suas almas!

 

rezaremos por eles na Eucaristia das 10am, no dia 22 .03.2015  

Reflexão do Dr. Antonio Pires :

IV DOMINGO DA QUARESMA

 

A síntese dos textos da liturgia da Palavra de hoje é o Mistério da Salvação.
Não há salvação em nenhum outro senão na Pessoa de Jesus Cristo. O próprio Papa Francisco na já muito falada "Alegria do Evangelho"/"Evangelii Gaudium", ao insistir na renovação profunda da Igreja, pede que ela esteja "em saída", para ir ao encontro daqueles que estão muito afastados do projecto de Deus. Pede aos cristãos que sejam anunciadores da Pessoa de Jesus, na certeza de que só n'Ele podemos encontrar a SALVAÇÃO.
Ao reflectirmos no diálogo de Jesus com Nicodemos, passagem, aliás, que nos é apresentada no Evangelho deste IV Domingo da Quaresma, reparamos que Nicodemos era um homem inquieto, insatisfeito. Por isso, foi ter com Jesus de noite, para lhe perguntar o que era preciso fazer. Estranhamente Jesus diz-lhe que é preciso nascer de novo. Nicodemos não entende e começa, então, uma conversa com pontos muito interessantes:

 

1. "Deus amou de tal modo o mundo que lhe deu o seu próprio Filho Unigénito" (Jo 3, 16). Este mistério da redenção é um acto de amor, isto é, Deus propõe-se levar o perdão a toda a humanidade através de Jesus, seu Filho.

2. "Ele não veio para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por Ele" (Jo 3, 17). Vemos, assim, que Deus não é um Deus de castigos. É um Deus de amor que deseja para todos nós a Salvação.


3. "A Luz veio ao mundo e os homens amaram mais as trevas do que a Luz" (Jo 3, 19). É este o drama da história da humanidade. Deus dedica-se totalmente e persegue o ser humano com o seu amor e muitos continuam a afirmar, no seu egoísmo, os próprios interesses que contrariam a Luz que é Jesus Cristo.


4. "Quem acredita n'Ele terá a vida eterna" (Jo 3, 15). Esta é a garantia que vai para além do tempo, isto é, a fé em Jesus abre definitivamente a porta à Bem-Aventurança eterna.


5. "Quem pratica a verdade, aproxima-se da Luz, e as suas obras são feitas em Deus" (Jo 3, 21). Jesus dirá um dia que é Ele o Caminho, a Verdade e a Vida, pelo que praticar a verdade é identificar-se completamente com o seu projecto de salvação.
Tudo isto é o "nascer de novo", dito por Jesus a Nicodemos. Poderá ser um caminho excepcional de Quaresma, para uma Igreja em missão, "em saída".


Qualquer cristão poderá viver em si este diálogo de Jesus com Nicodemos, com a certeza de que só Jesus Cristo é a Luz que pode salvar o mundo atribulado por tanto sofrimento.
Qualquer cristão deve ser missionário, evangelizador. O ser missionário não permite estar voltado para dentro, na espiritualidade intima, só minha, em que cada um quer apenas merecer o céu. Ser missionário exige sair, ir ao encontro dos que não têm fé, tentar dizer a quem quer que seja que é possível ser feliz, mesmo no meio das dificuldades e que ser solidário com os mais pobres é o que dá sentido profundo à vida.
Podemos reconhecer que a cidade onde os cristãos vivem está muito longe do Evangelho de Cristo. Sentimos isso, no nosso dia-a-dia., Eventualmente, as pessoas ainda acreditam em Deus e muitos ainda procuram as práticas religiosas tradicionais que, às vezes, nada lhes dizem. Por outro lado, admiram a intervenção social que a Igreja desenvolve na preocupação com os mais pobres. Mas, na prática, grande número, vive como se Deus não estivesse presente na cidade.

Que podem fazer então os cristãos?
Na perspectiva da Nova Evangelização, à luz deste 4º Domingo da Quaresma, podemos cumprir o que nos é pedido pelo Papa.
* Não condenar o mundo. Os cristãos estão presentes no mundo não para o condenar, mas para o salvar.
* Procurar ser presença de Deus através do amor repartido entre os irmãos.
Há muitos marcados pela solidão. Falta amor na cidade. Os cristãos devem ser nela o sinal do amor que Jesus veio trazer à terra.
* Afirmar que se acredita em Jesus, em todos os meios sociais e em todas as ocasiões.
A confissão da fé não se faz por muitas palavras, nem por orações repetidas. Faz-se por obras concretas de misericórdia, marcadas pela justiça, pela liberdade, pelo perdão, pela reconciliação, isto é, pela caridade verdadeira.
* Ter gestos que todos podem entender. Se a Igreja é perita em humanidade, os cristãos têm que traduzi-lo em actos concretos: o serviço, a partilha, a solidariedade, a paz, e tantas outras coisas que se tornam sinal no meio da sociedade em que se vive e trabalha.
* Dar atenção privilegiada aos mais pobres. Numa sociedade que cultiva a qualidade de vida, os cristãos devem preferir dar atenção maior aos que mais sofrem. Lutar contra a pobreza, procurar a igualdade possível, dando atenção permanente a cada um que de nós precisa - pode ser o cumprimento do mandamento do amor. Amar o outro como Jesus o amou.
A propósito, há muita gente que procura hoje as comunidades cristãs para sobreviver. Os cristãos são continuamente convidados a ir à procura de quantos necessitam de apoio, mesmo sem o terem pedido. Isto é o "nascer de novo" de que fala Jesus no diálogo com Nicodemos. Mais: quando são pedidos apoios sociais aos cristãos, há aqui uma grande oportunidade para lhes dar também a conhecer Jesus Cristo, o único que revelou ao mundo ser possível a salvação dos mais pobres, de todos quantos sofrem.
Notas finais nesta já longa reflexão:
- Ninguém por si só alcança a Salvação. A Salvação é para todos e através de todos. Ela vem ao mundo através de mim, de ti, de todos.
- Deus é quem realiza gratuitamente a Salvação, mas ninguém é salvo sem a própria colaboração. O Senhor não salva sem nós. Eu tenho que aderir ao projecto de Salvação, não posso deixar de colaborar. Ela não cai do céu, ao acaso.

- Se todos os cristãos fossem actores da Salvação, não haveria tanto sofrimento no mundo, egoísmo, guerras, homicídios, fome, desalojados, abandonados, esquecimento do irmão que está ao lado, etc.
- A misericórdia para com os outros, à semelhança da misericórdia sem limites que Deus tem para connosco, perdoando sempre sem condições. Pede-nos, sim, para convertermos o nosso coração. A misericórdia provoca a salvação.
- O cristão não é crente porque ama a Deus. É crente porque sabe que Deus o ama (pensamento do Papa Francisco).
- Tivemos uma Rainha que instituiu as Misericórdias, não apenas para distribuir dinheiro e bens. Certamente que teve também em vista lembrar a prática de todas as misericórdia, as espirituais e as corporais.
- Foi o Papa João Paulo II que instituiu o domingo da misericórdia para lembrar a necessidade da conversão para o Senhor nosso Deus que é rico em misericórdia para connosco, mas que nos lembra ainda que sejamos misericordiosos para com todos.
- Francisco, Papa, anunciou hoje que no próximo ano de 2016, a Igreja celebrará o Jubileu da Misericórdia.

 

Santa semana para todos. Dr. Antonio Pires

Caro amigo(a)

 

Apelamos à sua generosidade neste momento em que vamos entrar em obras, para que possamos dar a todos o máximo de  condições na Paróquia de Nossa Senhora de Fátima

Clique em baixo para saber mais